Textos

POR QUE O ESSENCIAL DEVERÁ SER GUARDADO NA MENTE (?!) ...

No texto anterior: SE O QUE DIZEM PODE NÃO CORRESPONDER AO ESSENCIAL O QUE GUARDAR NA MENTE (?!)... eu disse:

Geralmente o que dizem pode não corresponder ao essencial... Por isso, nem tudo o que escuto por relevante que seja (se for) ocupará o primeiro lugar entre as prioridades que relaciono... Antes examinarei, se necessário passando o pente fino da Pereira de Diógenes...

A Peneira de Diógenes implica saber se;

1. Corresponderá a verdade,
2. Correspondendo a verdade, deverá ser dito;
3. E, devendo ser dito: poderiam dizer de mim...

Considere isso na luta por uma sociedade menos hipócrita e menos superficial!!!

Continuando direi:

SE deve guardar na mente (o centro das emoções) o que está escrito...

Antes de conseguir ter o costume de guardar o que está escrito na mente, será preciso acostumar–se a ler o que está escrito!!!

Vou transcrever mais um texto do que está escrito e posso dizer que o Espírito Santo de DEUS não me levaria a saber o que transcrever se nunca tivesse me acostumado a ler a BÍBLIA...

Inclusive, direi que sendo DEUS autor e mantenedor da vida, tendo todo o poder e, podendo todas as coisas, poderia simplesmente fazer com que o texto que ELE queira seja automaticamente afixado tanto nessa mensagem, quanto em qualquer lugar, mas não é costume de DEUS usar tal método... DEUS deseja que cada pessoa aprenda e proclame SUA PALAVRA...

Em 1998, morando aqui em Arcoverde, sendo membro da Igreja Presbiteriana em Pedra/PE, fui pra Recife, onde durante o dia cumpria o expediente de trabalho na antiga EMATERPE (extinta em 2.000 pelo Governador Jarbas Vasconcelos), durante o dia e estudava a noite no Seminário Presbiteriano do Norte)... Na época sabia que, ao terminar o curso de cinco anos no seminário, pra alimentar as ovelhas com pasto verdejante, seria necessário expor a BÍBLIA... Foi o que fiz, lendo e estudando a fonte concedida por DEUS...

É claro que entre muitas tolices e superficialidades da nossa época, existe em cristãos uma idéia que deve ter (origem satânica), segundo a qual, pra pregar não seria necessário estudar...

Mas, desde que DEUS em sua infinita graça e soberania me achou perdido nas esquinas da vida fez surgir (em mim) fome e sede de conhecer o que aprove a ELE revelar... ENTENDO QUE NÃO IMPLICA SER SALVO QUEM FIZER A LEITURA DA BÍBLIA, MAS SE NÃO FOSSE PARA LERMOS, PORQUE DEUS LEVOU TANTOS HOMENS A ESCREVEREM O QUE ELE ACHOU POR BEM INSPIRAR E PORQUÊ MANTER O QUE INSPIROU SER ESCRITO???

OU SEJA: A SALVAÇÃO SE DÁ POR MOTIVO DA FÉ NO SACRIFÍCIO DE JESUS... É GRAÇA DE DEUS (FAVOR IMERECIDO)... JAMAIS PELO ACHOMETRO DE ALGUÉM...

Considere sobre isso!!!

Continuando, direi (e, isso justifica a principal razão do tema que estamos desenvolvendo):

SE O QUE DIZEM PODE NÃO CORRESPONDER AO ESSENCIAL O QUE GUARDAR NA MENTE (?!)...

Está escrito:

Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida (Provérbios 4:23).

Considere sobre isso!!!

EXISTEM DUAS ESTRADAS (MATEUS 7:13-14) E A ESCOLHA SERÁ NOSSA:

Está escrito:

Entrai pela porta estreita (larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela),

Porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela.

(Mateus 7:13-14)

SE O QUE DIZEM PODE NÃO CORRESPONDER AO ESSENCIAL O QUE GUARDAR NA MENTE (?!).

O que se pode guardar NA MENTE é o que tenha a ver com as FONTES DA VIDA e, dependerá de entrar pela PORTA ESTREITA, seguindo pelo CAMINHO APERTADO, e o ser humano precisa ser consciente que DEUS o CRIADOR concedeu desde a origem, as informações necessárias ao êxito o problema é apenas que o ser humano (criatura) traçou o próprio rumo justificando a falta de direção pelo famigerado ELO PERDIDO que deixou a criatura perdido, sem rumo e sem direção, semelhande a suposta evolução de um ancestral comum a espécie de símios...

CONSIDERE SOBRE ISSO...
fchagass
Enviado por fchagass em 10/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr