Textos

No texto anterior: 194ª DE 500ªS REFLEXÕES: MENSAGEM AO SER HUMANO EM NOSSOS DIAS... eu disse:

REPETNDO, O QUE DISSE, E, TRANSFORMANDO NUMA PERGUNTA:

EM NOSSOS DIAS, SE FAZ NECESSÁRIO PENSAR MUITO E FALAR POUCO – INFELISMENTE O SER HUMANO ESTÁ HABITUADO A FALAR MUITO E A PENSAR POUCO, NÃO PENSAR OU PENSAR DE FORMA ERRADA (?!)...

CONTUDO, se faz necessário entender o que se quer significar PENSAR MUITO e FALAR MENOS... AFINAL, Em momento algum quis dizer que pensar muito e falar pouco seria viver calado, como quem vive no undo da lua ou está como que enamorado...

EM NOSSOS DIAS, considerando que em relação a épocas anteriores temos maior facilidade de comunicação, SE FAZ NECESSÁRIO PENSAR MUITO pra entender, antes de simplesmente dar sua opinião...

E FALAR MENOS – No sentido de saber o que se fala, ao invés de falar por falar...

Tem gente que por achar que tem boca, poderá dizer o que quer, em qualquer lugar e a qualquer hora... INFELIZMENTE O SER HUMANO ESTÁ HABITUADO A FALAR MUITO E A PENSAR POUCO, NÃO PENSAR OU PENSAR DE FORMA ERRADA (?!)...

Por isso mesmo, temos a realidade que temos:

Quando, por exemplo, se fala em cortar despesas, apenas se diminui o volume de compras antes de argumentar sobre a necessidade de um item...

POR ISSO, EM MEU ACHÔMETRO ENTENDO QUE EM NOSSOS DIAS O SER HUMANO PENSA POUCO, FALA MUITO...

MUITAS VEZES SE FALA POR FALAR, FALA MAL E NEM SEMPRE SABE O QUE DIZ..

SEGUINDO A MESMA LINHA DE RACIOCÍNIO, DIREI:

É PRECISO SABER O QUE SE DIZ, PORQUE DIZER E PARA QUE DIZER – DO CONTRÁRIO FICAR CALADO (SEM RESMUNGAR, PORQUE NÃO DISSE)...

UM DOS BENEFÍCIOS DE PENSAR MUITO E FALAR POUCO, DESDE QUE NÃO SEJA SILENCIAR POr SILENCIAR,CONSISTE EM FALAR SABENDO O QUE DIZ, SENDO ENTENDIDO POR TODOS OU SEJA: DIZENDO MUITO COM POUCAS PALAVRAS...

VAMOS FAZER UMA PAUSA PARA REFLEXÃO, COM O OBJETIVO DE PENSAR MAIS UM POUCO... CONTINUA NO PRÓXIMO TEXTO...
fchagass
Enviado por fchagass em 06/08/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr